Tema 8-123 Mundo Comunista

February 8, 2019 | Author: Sara Gonçalves | Category: Política internacional, Soviet Union, Communism, Nuclear Weapons, Fidel Castro
Share Embed Donate


Short Description

historia 12...

Description

Tema 8 1.2. 1.2.3. 3. O Mund Mundoo Comun Comunis ista ta O Tempo Da Guerra Fria – A Consolidação de um Mundo Bilopar. O Mundo Comunistas o e!pansionismo so"i#ti$o% opç&es e reali'aç&es da e$onomia de dire$ção $entral. Finalidades  Desta$ar a intera$ção entre a pol(ti$a interna e e!terna da )*++ e o seu $ondi$ionamento por ,a$tores -eoestrat#-i$o. Analisar

a e!tensão de in,lun$ia so"i#ti$a no mundo.

O expansionismo soviético •

O plano americano de ajuda ao ocidente europeu constitui argumento para Estaline adoptar a mesma atitude relativamente aos países submetidos à sua influência /lano Mars0all )A Campo imperialista

 Doutrina dano" )*++ Demo$r4ti$o e Anti56mperialista Anti56mperialista

6n,lun$ia

Come$on – e$on7mi$a Comin,orm 5 pol(ti$a /a$to de ars7"ia – militar 

)*O/A !tensão do Comunismo  uropa Oriental  Fortes mo"imentos de inspiração $omunista (os partisans) apoiados pelo Exército Vermelho •





Os partidos $omunistas eram minorit4rios mas "ão5se tornando  partidos 9ni$os. Os no"os pa(ses so$ialistas re$e:eram a desi-nação de democracias p4-. *DA> C0e$oslo"4?uia> @/*6MA*A D /*AGA 18 un-ria> *om#nia> Bul-4ria e u-osl4"ia >esta 9ltima s7 normali'a relaç&es $om a )*++ e 1omunismo Original maoísmo. -cronologia p?g6 [email protected]

• •



AMJ*6CA KAT6HA  LF*6CA

;onto fulcral da expans&o comunista na $mérica latina foi 'A$ em ./0/6 um -rupo de re"olu$ion4rios $omandados  por  Bidel de astro e he Cuevara des$e da +erra Maestra  para a"ana e dep&em o ditador pr7 –ameri$ano Ful-n$io Baptista. Constituem um governo revolucion?rio de tendências socialistas Tratado Comer$ial e Militar $om a )*++.  Ha$ionali'ação de mpresas Ameri$anas sediadas na 6l0a. )A  apoia todos os anti5$astristas. ./=. desembar7ue na Aaía dos ;orcos )*++  desloca rampas de lan%amento de mísseis nu$leares. ./=D E'$ descobre2as através de fotografias de satélite> $onsidera uma pro"o$ação e uma a-ressão  pa' e  esta:ilidade mundial. • • •











     

Nenned e!i-e a retirada imediata dos m(sseis> -uerra nu$lear eminente> Nrut$0e" retira. Cu:a desempen0ar4 um papel a$ti"o na proli,eração do $omunismo> $om o apoio da )*++.  Hos anos PI -uerril0as mar!istas  Bol("ia 5 onde morre C0e5Gue"ara l5 +al"ador  Hi$ar4-ua ColQm:ia /er9

$proveitando um momento de relativo apagamento americano em conse7uência do seu fracasso no Vietname $ '"" refor%a a sua presen%a em !B#$



• •

Apoia os mo"imentos anti5$olonialistas e os pa(ses re$em des$oloni'ados Colo$a :ases e $onsel0eiros militares em 1P pa(ses a,ri$anos Apoio aos pa(ses de re$ente des$oloni'ação An-ola – M/KA Moçam:i?ue – Frelimo.

?ua$ionar as reali'aç&es e de:ilidades das e$onomias de dire$ção $entral.

;s DCC urgente restaurar o sector produtivo para 7ue à condi%&o de potência militar correspondesse a de potência econmica



etoma do modelo de economia estatiFada 6colectiviFada e planificada $om a retoma de planos ?uin?uenais ao n("el da ind9stria – 6 plano ?uin?uenal 1R superpo"oados e insalu:res. Kon-as ,ilas de espera> para :ens essen$iais nos arma'#ns do po"o> tornam5se rotina di4ria Balhan%o do comércio e da agricultura6 modelo de comércio pouco atractivo6 sem flexibilidade6 com lojas pouco apelativas assim como as montras

O" AHOJ'E#O" EO+K9#O" $s economias planificadas come%am a mostrar debilidades O grande crescimento econmico6 n&o corresponde ao nível de vida do povo soviético 7ue se degrada cada veF mais /or?ue na 6nd9stria e!$esso de $entralismo e ,ortale$imento do aparel0o :uro$r4ti$o produ' 5 $entralismo :lo?ueio  $apa$idade de ini$iati"a e ao $res$imento. 5 entorpe$imento das empresas sem autonomia na sele$ção das produç&es e e?uipamentos > na ,i!ação de sal4rios > preços> es$ol0a de ,orne$edores e $lientes. 5 -estão :uro$r4ti$a sem entusiasmo nem ini$iati"a. 5 $orrupção 5 ,alta de in"estimento. 5 m4 or-ani'ação 5 desalento dos $amponeses ?ue de e!portadores de $ereais passam a importadores.

,E+,$,#V$" *E "OH'LMO +O" $+O" =1 V#$ *E E+OV$LMO EO+K9#$ +iNita ruchtchev •

• •





+ovo plano de ./0/ refor%a o investimento nas ind3 para P>P  Hota 1> p4-.1

-r4,i$os  p4-. de ,orma mais ou menos -ra"e> em todos os pa(ses sat#lites e ,oram5se a-ra"ando. stes :lo?ueios e$on7mi$os $ondu'irão  ,aln$ia dos re-imes $omunistas europeus> no ,im dos anos 8I. K* Ultimo para-ra,o  p4-.1

1.2.R.5 A es$alada armamentista e o in($io da era espa$ial ;ara complementar a informa%&o do manual sobre este assunto 1.A Adi"isão do mundo em 2 :lo$os e o $lima permanente de tensão e ri"alidade> $ara$ter(sti$o das relaç&es interna$ionais do p7s 2. G.M. ,a"ore$eram a escalada armamentista 2.O O$idente tin0a a $on"i$ção ?ue o V$ampo so$ialistaW e os partidos $omunistas tin0am $omo o:Se$ti"o $on?uistar por todos os meios o mundo para o so$ialismo. J neste sentido ?ue se ,ala de imperialismo so"i#ti$o insistindo a propa-anda o$idental na $onstante ameaça de in"asão so"i#ti$a. /or sua "e' o $ampo so$ialista est4 $on"en$ido ?ue o O$idente ?uer impedir o triun,o do so$ialismo e a sua destruição e ainda impor o seu modelo de demo$ra$ia li:eral e o $apitalismo. J assim ?ue ,ala de imperialismo ameri$ano ou o$idental. 3.Ap7s 1R e so:retudo ap7s 1 o mundo passa a viver sob a real amea%a da sua destrui%&o. A $ons$in$ia deste ,a$to le"ou di"ersos or-anismos interna$ionais a alertarem  para os peri-os de uma -uerra nu$lear  Hos anos pois> $ompreendidas. Todos os ser"iços militares das super potn$ias> espe$ialmente as suas ,orças a#reas> estão intimamente li-adas aos pro-ramas de in"esti-ação e

desen"ol"imento da e!ploração> in$luindo nas suas miss&es o:Se$ti"os de nature'a militar.

View more...

Comments

Copyright ©2017 KUPDF Inc.
SUPPORT KUPDF