Man Obreiro - Parte 2

November 10, 2018 | Author: Nascimento Rodolfo | Category: Deacon, Bishop, Prayer, Saint, Baptism
Share Embed Donate


Short Description

Download Man Obreiro - Parte 2...

Description

MANUAL DO OBREIRO

OBJETIVOS 

Estabelecer conceitos relacionados aos líderes da AD-SJC para torná-los mais eficientes e eficazes



Orientar procedimentos para separação de líderes na AD-SJC



Orientar procedimentos para as principais cerimônias da AD São José dos Campos

MANUAL DO OBREIRO

ROTEIRO

1. Critérios para separação de Obreiros 2. Serviço dos Obreiros 3. Cerimônias na AD-SJC

MANUAL DO OBREIRO

ROTEIRO

1. Critérios para separação de Obreiros 2. Serviço dos Obreiros 3. Cerimônias na AD-SJC

SIGNIFICADO DE SER OBREIRO PRESIDENTE DIRETORES GERENTES FUNCIONÁRIOS

SIGNIFICADO DE SER OBREIRO MEMBROS DIÁCONOS PASTORES E PRESBÍTEROS APÓSTOLOS

SIGNIFICADO DE SER OBREIRO 

Porque tenho para mim, que Deus a nós, apóstolos, nos pôs por últimos, como condenados à morte; pois somos feitos espetáculo ao mundo, aos anjos, e aos homens. 1 Cor 4:9



Bem como o Filho do homem não veio para ser servido, mas para servir, e para dar a sua vida em resgate de muitos. Mt 20:28

1 - CRITÉRIOS PARA SEPARAÇÃO DE OBREIRO 

CRITÉRIOS CRÍTICOS

SÃO CRITÉRIOS INFLEXÍVEIS, SE O CANDIDATO NÃO ESTIVER ENQUADRADO NELES NÃO SERÁ CONSIDERADA A SUA INDICAÇÃO. 

CRITÉRIOS DESEJÁVEIS

SÃO EXIGÊNCIAS ADICIONAIS QUE NÃO IMPEDEM O CANDIDATO DE SER INDICADO, MAS AMPLIAM O SEU POTENCIAL

1 - CRITÉRIOS PARA SEPARAÇÃO DE OBREIRO CRITÉRIOS CRÍTICOS Pastores, evangelistas e Presbíteros 





Fiel é esta palavra: Se alguém aspira ao episcopado , excelente obra deseja. É necessário, pois, que o bispo seja irrepreensível, marido de uma só mulher, temperante, sóbrio, ordeiro, hospitaleiro, apto para ensinar; não dado ao vinho, não espancador, mas moderado, inimigo de contendas, não ganancioso;

1 - CRITÉRIOS PARA SEPARAÇÃO DE OBREIRO CRITÉRIOS CRÍTICOS Pastores, evangelistas e Presbíteros 







que governe bem a sua própria casa, tendo seus filhos em sujeição, com todo o respeito. (pois, se alguém não sabe governar a sua própria casa, como cuidará da igreja de Deus?); não neófito, para que não se ensoberbeça e venha a cair na condenação do Diabo. Também é necessário que tenha bom testemunho dos que estão de fora, para que não caia em opróbrio e no laço do Diabo.

1 - CRITÉRIOS PARA SEPARAÇÃO DE OBREIRO CRITÉRIOS CRÍTICOS Diáconos 







Da mesma forma os diáconos sejam sérios , não de

língua dobre, não dados a muito vinho, não cobiçosos de torpe ganância,  guardando o mistério da fé numa consciência pura. E também estes sejam primeiro provados, depois exercitem o diaconato, se forem irrepreensíveis. Os diáconos sejam maridos de uma só mulher, e governem bem a seus filhos e suas próprias casas.

1 - CRITÉRIOS PARA SEPARAÇÃO DE OBREIRO CRITÉRIOS CRÍTICOS Mulheres Obreiras 

Da mesma sorte as mulheres sejam sérias, não



maldizentes, temperantes, e fiéis em tudo Bom testemunho Submissão aos maridos dentro dos padrões bíblicos



  

Fidelidade nos dízimos e ofertas, dentre outras formas Possuir o CTASC Ser membro da AD-SJC de acordo com o seu estatuto

1 - CRITÉRIOS PARA SEPARAÇÃO DE OBREIRO CRITÉRIOS DESEJÁVEIS Ser casado Participação ativa nas atividades da igreja Bom relacionamento interpessoal  Interesse em desenvolvimento ministerial e pessoal Possuir outros cursos teológicos

    

Observação:  A indicação de candidatos também levará em consideração o número de obreiros já existente na igreja ou na congregação proponente.

MANUAL DO OBREIRO

ROTEIRO

1. Critérios para separação de Obreiros 2. Serviço dos Obreiros 3. Cerimônias na AD-SJC

2  – SERVIÇOS DOS OBREIROS 1 - PASTORES         

 Apascentar Liderar Ensinar  Aconselhar Exortar Encorajar Coordenar as atividades dos departamentos da igreja.  Visitar. Orar pelos enfermos, pelos oprimidos, etc.

2  – SERVIÇOS DOS OBREIROS 1 - PASTORES     

Dirigir cultos. Ser Fiel nos dízimos e nas ofertas. Contribuir para a ordem e o bom andamento do culto Zelar pela boa apresentação do templo. Zelar pelo cumprimento do estatuto da igreja

2  – EVANGELISTAS   

Desbravar – abrir novas fronteiras, novos trabalhos Fundar igrejas Realizar de campanhas evangelísticas

2  – SERVIÇOS DOS OBREIROS 2  – EVANGELISTAS     

Estruturar estratégias para alcançar vidas  Auxiliar o pastor de sua igreja Ser Fiel nos dízimos e nas ofertas Contribuir para a ordem e o bom andamento do culto Zelar pela boa apresentação do templo

3  – PRESBÍTEROS 



 Aconselhar –  este aconselhamento inclui a igreja e todas as classes de obreiros. Orar - pelos enfermos, ungindo-os com óleo, pelos oprimidos, pelos cristãos em lutas.

2  – SERVIÇOS DOS OBREIROS 3  – PRESBÍTEROS 

        

 Assistir os membros da igreja – novos convertidos ou novos membros Ensinar – deve estar apto para ensinar Realizar visitas Ministrar nos cultos Dirigir cultos Dirigir congregação, quando designado  Auxiliar o pastor da igreja Ser fiel nos dízimos e nas ofertas Zelar pela ordem e pelo bom andamento do culto Zelar pela boa apresentação do templo

2  – SERVIÇOS DOS OBREIROS 4  – DIÁCONOS 







Levantar as necessidades materiais dos membros da igreja, realizar cadastro das famílias necessitadas para o recebimento de donativos, Recolher donativos, tais como: alimentos, roupas, calçados e outros gêneros, Identificar os membros que deixaram de frequentar a igreja por problema de enfermidade e programar  visitas, Zelar pela ordem e pelo bom andamento do culto,

2  – SERVIÇOS DOS OBREIROS 4  – DIÁCONOS 











 Assistir aos visitantes, Participar da coleta dos dízimos e das ofertas,  Auxiliar a tesouraria da igreja, conferindo ofertas e donativos Fiscalizar, durante os cultos, a atividade de segurança da igreja, dentro e fora do templo  Atender a convocação do pastor ou do dirigente para os trabalhos da igreja  Auxiliar o pastor na distribuição da ceia

2  – SERVIÇOS DOS OBREIROS 4  – DIÁCONOS 

Contribuir para a boa apresentação do templo por meio de ações que visem a sua limpeza, arrumação dos bancos, som, iluminação, dentre outros



Preparar o templo para os cultos e cerimônias.



Ser Fiel nos dízimos e nas ofertas





Prover os elementos necessários à ministração dos cultos. Exemplo: óleo para unção dos enfermos, dentre outros.  Auxiliar o pastor da igreja dentro da sua área de atuação

2  – SERVIÇOS DOS OBREIROS 5  – AUXILIARES DE TRABALHO 

 Atuar nos serviços gerais, auxiliando os oficiais da igreja



Zelar pela boa apresentação e pelo patrimônio do templo



Zelar pela ordem e bom andamento dos cultos



Ser fiel nos dízimos e nas ofertas

2  – SERVIÇOS DOS OBREIROS 4  – LÍDERES E MEMBROS 

Zelar pela boa apresentação do templo



Zelar pelo patrimônio da igreja



Zelar pela ordem e bom andamento dos cultos



Ser Fiel nos dízimos e nas ofertas



 Atender as orientações dos oficiais da igreja (estacionamento e outras)

MANUAL DO OBREIRO

ROTEIRO

1. Critérios para separação de Obreiros 2. Serviço dos Obreiros 3. Cerimônias na AD-SJC

I - BATISMO EM ÁGUAS

  Apresentação dos candidatos à

igreja, ressaltando que são frutos de oração, evangelismo, discipulado e do amor dos irmãos,



Os candidatos são orientados a dirigir-se ao local do batismo,



O obreiro assistente dará a sequência dos candidatos ao batismo, observando os critérios de prioridade (pessoas idosas, com dificuldades, portadoras de deficiências, gestantes, etc),



Dentro do tanque, o obreiro oficiante receberá o candidato com alegria, parabenizando-o pela decisão, e lhe perguntará: 

Fulano de tal (Citar o nome da pessoa), você crê que o Senhor Jesus é o teu único e suficiente salvador? Aguardar a manifestação do candidato.



Novamente, perguntará ao candidato: Estás disposto a segui-lo por todos os dias da sua vida, obedecendo a sua Palavra? Aguardar a resposta do candidato.

  Após

a declaração do candidato, o oficiante dirá: “Mediante  a sua confissão de fé, eu te batizo em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo”



Proceder a imersão do candidato, observando as características de cada um.

  Ao

levantar o candidato da água, o oficiante deve cumprimentá-lo, encaminhando-o ao assistente para a saída do tanque.

II - CEIA DO SENHOR

  A

cerimônia da ceia deve ser planejada com antecedência e envolve o seguinte: 

O ministrante



Os oficiais auxiliares



Os elementos (pão e vinho)

   A

 A igreja

ceia é a razão do culto. Todas as atividades dessa cerimônia devem direcionar-se para o ato da ceia.

 Aspectos a serem observados: 

 Apresentação dos elementos, consideração a higiene

levando

em



Durante a cerimônia não se deve manusear diretamente os elementos



O ministrante deve ter consciência que o seu ofício é acima de tudo espiritual

III - CASAMENTO

A cerimônia pode ser realizada em duas modalidades: 1 - Casamento civil seguido de cerimônia religiosa. Ocorre quando os nubentes casam-se previamente perante um juiz. Com a certidão de casamento em mãos dirigem-se à igreja para a posterior realização da cerimônia religiosa.

2 - Casamento religioso com efeito civil. Isto ocorre quando o casamento civil e religioso acontecem no mesmo ato

IV - APRESENTAÇÃO DE CRIANÇAS



Tomar conhecimento dos nomes (pais e a criança)



Explicar o motivo da apresentação de crianças



Conscientizar os pais sobre a responsabilidade de criarem a criança na no temor do Senhor



O obreiro deve ter total segurança ao tomar em seus braços o recém-nascido, caso não se sinta confortável deverá pedir que outra pessoa preparada assim o faça. Em último caso deixar a criança nos braços da mãe.



Outro obreiro deverá auxiliar o oficiante no manuseio do microfone.



Orar abençoando a criança e rogando a Deus que conceda da sua graça aos pais para criá-la nos seus santos caminhos.

V - CERIMÔNIA FÚNEBRE

  Ao

tomar conhecimento do falecimento, entrar em contato com a família e oferecer o apoio pastoral.

  A

cerimônia fúnebre deve ser realizada em consonância do desejo da família. O papel pastoral é trazer conforto e consolo aos presentes. Isto deve ser realizado da maneira mais sucinta possível, com uma breve meditação bíblica e ministração de um hino e oração.

MANUAL DO OBREIRO

OBJETIVOS 

Estabelecer conceitos relacionados aos líderes da AD-SJC para torná-los mais eficientes e eficazes



Orientar procedimentos para separação e para o serviço dos líderes na AD-SJC

  Atualizar

e reciclar líderes locais ou oriundos de outros ministérios

MANUAL DO OBREIRO

ROTEIRO

1. Significado de ser Obreiro 2. O que a igreja espera do Obreiro 3. Critérios para separação de Obreiros 4. Serviço dos Obreiros 5. Cerimônias na AD-SJC

View more...

Comments

Copyright ©2017 KUPDF Inc.